Faróis do Cinema

Junho 2015
11:59

Roberto Farias

3,0 58 x
O diretor Roberto Farias fala sobre seus primeiros contatos com o cinema, conduzido pela mãe. O cineasta também comenta algumas parcerias essenciais para vencer algumas barreiras na sétima arte.
11:59

Izabel Jaguaribe

3,0 41 x
Izabel Jaguaribe tem os filmes “Dumbo” e “Rio 40 Graus” como seus faróis do cinema. A diretora comenta ainda a influência da estética do Walter Salles e dos documentários de João Moreira Salles em seu trabalho.
12:05

Vinicius Reis

3,0 50 x
Influenciado por Godard, o diretor Vinícius Reis descobriu que a sétima arte não precisa ser tão complexa quanto costuma ser. O cineasta comenta ainda sua descoberta antropofágica com o filme “Macunaíma”.
11:59

Eduardo Nunes

3,0 34 x
Eduardo Nunes traz as peculiaridades e delicadezas do cinema mudo para a conversa. O diretor confessa seu amor pelo preto e branco e como essa escolha influência na percepção dos filmes.
Maio 2015
12:17

João Moreira Salles

3,0 73 x
Grandes nomes da sétima arte nacional falam sobre suas principais influências e referências no cinema, revelando títulos que tiveram um papel importante em sua formação.
12:00

Otto Guerra

3,0 60 x
Aficionado por quadrinhos, Otto Guerra fala sobre a importância da obra de Hergé na evolução da sua carreira. O cineasta comenta também a relevância da direção de arte para a animação na sétima arte.
11:59

Paulo Thiago

3,0 58 x
Paulo Thiago revela sua admiração pelo famoso “spaghetti western” ou “bang-bang à italiana”. O cineasta carioca comenta ainda o impacto da Nouvelle vague para a sétima arte.
12:00

Sylvio Back

3,0 58 x
Audacioso e bem-humorado, Sylvio Back diz ser amante do cinema norte-americano. O diretor também comenta a importância da obra “É Tudo Verdade”, de Orson Welles, para a reinvenção da sétima arte nacional.
Abril 2015
12:00

Joel Pizzini

3,0 57 x
Com uma visão poética sobre o cinema, Joel Pizzini conta suas inspirações enquanto realizador. O diretor de “Caramujo-Flor” e “Olho Nu” também comenta as peculiaridades da sétima arte nacional.
11:57

Silvio Tendler

3,0 77 x
Silvio Tendler cresceu envolto por vários cinemas de rua em Copacabana (RJ). O diretor comenta a influência do exílio no Chile, aos 20 anos de idade, na sua carreira e a constante mistura entre ficção e documentário.
Arquivo