Libertadores Classics

Janeiro 2015

Lanús 2 [4] x [5] 1 Vasco - Oitavas

4,0 154 x
Na noite do dia 9 de maio de 2012, o Vasco de Diego Souza e do goleirão Fernando Prass eliminou, nos pênaltis, o cascudo time do Lanús, da Argentina.

Fluminense 0 x 3 Grêmio - Fase de grupos

3,0 90 x
Na noite de 20 de feveireiro, uma quente quarta-feira no Rio de Janeiro, o Grêmio de Barcos e André Santos aplicou um surpreendente 3 a 0 no Fluminense, então campeão Brasileiro

Corinthians 1x 0 Vasco - Quartas de final

3,0 91 x
Em um dos duelos mais duros da Libertadores 2013, o Corinthians contou com o erro de Diego Souza e a precisão de Paulinho para eliminar o Vasco e seguir para a semifinal

Flamengo 3 x 3 Olimpia - Fase de grupos

3,0 107 x
Jogando no Engenhão, diante desua imensa e apaixonada torcida, o Flamengo, de Vagner Love e Ronaldinho Gaúcho, abriu 3 a 0 sobre o Olimpia, do Paraguai, mas viu a vantagem ruir nos minutos finais e, com isso, os visitantes conquistrm um heróico empate no Rio de Janeiro.

Santos 2 x 1 Peñarol - final

3,5 106 x
No Pacaembu lotado, Neymar brilhou e meninos da Vila fizeram história ao levar o Santos ao tricampeonato da Libertadores

Atlético-PR 2 (5)x(4) 1 Sporting Cristal (PER) - Primeira Fase

3,0 70 x
Em um dos jogos mais emocionantes da Libertadores 2014, o Furacão suou sangue para bater o Sporting Cristal e se classificar para a fase de grupos.

Palmeiras 1 x 0 Libertad (PAR) - Fase de grupos

3,0 93 x
A torcida palmeirense lotou o Pacaembu e empurrou o limitado time do Palmeiras para uma vitória heróica contra o Libertad.

Atlético-MG 4 x 1 São Paulo - Oitavas

3,0 104 x
O massacre do galo começou muito antes de Jô acertar um petardo no gol de Rogério Ceni. Ronaldinho já havia chutado falta na trave, Tardelli infernizava a defesa tricolor, Bernard idem. No final, uma goleada inesquecível do Atlético sobre o tricampeão do mundo.

Santos 3 x 1 Internacional - Fase de grupos

3,0 75 x
Em uma de suas muitas noites iluminadas, Neymar pintou e bordou na defesa colorada e marcou dois golaços, um deles até concorreu ao prêmio Puskas de gol do ano na noite de gala da Fifa.

Boca Juniors 1 x 1 Corinthians - final

3,0 155 x
Em sua primeira decisão, o Corinthians contou com a estrela de Romarinho para arrancar um empate nos minutos finais com o poderoso Boca, até então demolidor de brasileiros.
Arquivo