O Som do Vinil

2020

Lá Vem O Brasil Descendo A Ladeira, Moraes Moreira

4,5 17 x
Charles Gavin recebe Moraes Moreira, apresentando o emblemático disco “Lá Vem o Brasil Descendo a Ladeira”, de 1979, no qual confirma toda sua diversidade musical com mistura de MPB, frevo, baião e rock.

Simone - Pedaços (1979)

3,0 25 x
Charles Gavin resgata “Pedaços”, álbum de Simone. A cantora destaca o poder feminino para impulsionar a luta por igualdade e lamenta o interminável ciclo de violência contra a mulher.
Episódios 2019

Fátima Guedes - Lápis de Cor (1981)

3,0 10 x
Charles Gavin resgata “Lápis de Cor”, álbum de Fátima Guedes. A cantora destaca a importância de fazer um trabalho que provoque reflexão e revela a insegurança que possuía com a sua voz.

Watusi - Por Causa de Você (1993)

3,0 1 x
A cantora Watusi relembra as dificuldades que enfrentou por ser uma mulher negra da periferia e detalha a história de como se tornou a grande estrela do espetáculo “Moulin Rouge”.

Olívia Hime - O Fio da Meada (1985)

4,0 1 x
Olívia Hime detalha o cuidado de suas obras com arranjos e repertório, fala da parceria no amor e no trabalho com Francis Hime e revela a falta de perspectiva profissional que enfrentou por ser mulher.

Joyce Moreno - Gafieira Moderna (2001)

4,0 8 x
“O que eu invejo nos homens são as suas esposas”. A cantora Joyce Moreno expressa a sua luta por igualdade através da música e critica a disparidade de oportunidades no mercado.

Olívia Byington / Elizeth Cardoso - Canção do Amor Demais (1958)

1,5 5 x
“O permanente não envelhece”. Olívia Byington presta justa homenagem à obra de Elizeth Cardoso e destaca as dificuldades enfrentadas pelo universo feminino para conquistar espaço na música.

Zélia Duncan - Zélia Duncan (1994)

4,0 23 x
“A gente já sabe que é assediada desde que nasce”. Zélia Duncan destaca os desafios que enfrentou na carreira por ser mulher e revela como o feminismo tem ganhado cada vez mais espaço em sua vida.

Joanna - Chama (1981)

4,0 4 x
“O palco é a minha casa”. A cantora Joanna revela como transforma a sua personalidade quando se apresenta e detalha como superou um mercado mais receptivo aos homens para se tornar uma campeã de vendas.

Tia Surica E Áurea Maria - Velha Guarda Da Portela / Homenagem A Paulo Da Portela (1987)

3,0 0 x
Guardiãs da sabedoria popular, Tia Surica e Áurea Maria relembram histórias do fundador da majestade do samba, Paulo da Portela, e contam o motivo de sua saída da agremiação.
Arquivo