O Som do Vinil

Outubro 2019

Sandra Pêra - Sandra Pêra (1983)

3,0 0 x
A cantora Sandra Pêra detalha a influência da gravidez de risco nas suas composições, fala da saída do grupo “As Frenéticas” e revela como lidou com as propostas indecentes na carreira.

Áurea Martins - O Amor em Paz (1972)

4,0 0 x
“O canto para mim sempre foi uma sessão de análise”. Dona de uma das mais belas histórias de amor pela música, a eterna Áurea Martins passa a limpo os mais de 50 anos de carreira.

Wanda Sá - Softly (1965)

3,0 0 x
Charles Gavin resgata “Softly”, álbum de Wanda Sá. A artista repassa a carreira, fala da parceria com o produtor do cantor Frank Sinatra e revela sempre ter fugido do mundo do estrelato.
Setembro 2019

Nilze Carvalho - Apresentação (1990)

3,0 1 x
Nilze Carvalho relembra a influência do pai no início da carreira, comenta o estranhamento das pessoas com uma menina instrumentista e revela o motivo de ter demorado para se assumir cantora.

Leila Pinheiro - Outras Caras (1991)

3,0 3 x
Charles Gavin resgata “Outras Caras”, álbum de Leila Pinheiro. A cantora destaca que a obra significou um marco na carreira por demonstrar sua capacidade em diversos gêneros musicais.

Eliana Pittman - Tô Chegando Já Cheguei (1974)

3,0 2 x
A cantora Eliana Pittman relembra o início da carreira em parceria com o pai, o astro americano-brasileiro Booker Pittman, e revela como trouxe um repertório popular para espaços elitistas.

Teresa Cristina / Dona Ivone Lara - Sorriso de Criança (1979)

4,0 1 x
Teresa Cristina relembra “Sorriso de Criança”, álbum icônico de Dona Ivone Lara. A cantora destaca o talento extraordinário da artista para se colocar no ambiente machista do samba.
Agosto 2019

Fernanda Takai - O Tom da Takai (2018)

4,0 3 x
Charles Gavin detalha “O Tom da Takai”, novo álbum de Fernanda Takai com músicas de Tom Jobim. A cantora repassa a carreira e revela as desconfianças que sofreu por ser mulher.

Roberta Sá - Giro (2019)

4,0 1 x
“Gil fez eu me olhar com mais amor”. A cantora Roberta Sá fala sobre a parceria com Gilberto Gil no álbum “Giro” e destaca como esse encontro cercado de afeto mudou sua concepção musical.

Xênia França - Xênia (2017)

3,0 3 x
“As estruturas não facilitam, mas eu não vou me dobrar diante do preconceito”. Xênia França destaca a importância da nova diáspora negra na ressignificação dos espaços sociais.
Arquivo