Pensar Malvinas

Maio 2016
27:01

Malvinas na Escola

3,0 74 x
Este episódio permite refletir a respeito da razão pela qual distintas gerações proclamavam a frase “as Malvinas são Argentinas”, provocando um debate sobre quais ideias e projetos da nação foram colocados em jogo com esta afirmação. Mostra, ainda, o modo pelo qual as Malvinas se conectaram com o sistema educativo argentino, a maneira como as memórias da guerra se articularam com as ideias coletivas e porque essas ilhas têm um tema central na democracia argentina.
27:20

Cantar Malvinas

3,0 60 x
Este episódio mostra as referências musicais sobre as Malvinas, antes mesmo do conflito de 1982. Retrata o Festival de la Solidaridad Latinoamericana, que sustentava uma causa nacional e popular ao mesmo tempo em que o militarismo tomava conta do país. Por fim, registra as dificuldades para a implantação da democracia.
Abril 2016
27:33

A Construção da Memória

3,0 99 x
O episódio aborda alguns dos lugares que recordam a Guerra das Malvinas, como o cenotáfio na Praça San Martín, o monumento dos mortos no Porto Madryn e o cemitério de Darwin nas ilhas Malvinas. Uma professora leva os alunos a descobrirem algumas curiosidades sobre esses locais e eles conversam com especialistas das áreas de antropologia, filosofia e arquitetura para entenderem os contextos e atos sociais envolvidos nos diferentes períodos históricos em que essas memórias foram criadas.
23:52

O Madrinaço

3,0 119 x
Episódio trata como ficou a situação dos combatentes depois da derrota de junho de 1982 e da mobilização popular em 1984.
26:10

As Duas Praças

3,0 39 x
A Praça de Maio sempre teve um valor simbólico no cenário dos principais acontecimentos da vida pública argentina. Este episódio trata de dois momentos: o primeiro, no dia 30 de março de 1982, quando os trabalhadores marcharam contra a ditadura, mas fracassaram na tentativa de tomar a praça; o outro, alguns dias depois, quando diferentes setores sociais ocuparam o espaço para manifestar seu apoio à decisão da Junta Militar de desembarcar nas Ilhas Malvinas.
24:38

Ingleses no Rádio

3,0 50 x
Quatro jovens curiosos tentam captar conversas secretas dos ingleses por meio de um rádio. Ao mesmo tempo, o episódio faz uma cronologia dos ataques aéreos, terrestres e marítimos travados na região, além de tratar do apoio dos Estados Unidos ao Reino Unido, das diferenças tecnológicas e de equipamentos que separavam ambas as forças. Por fim, aborda a rendição massiva da guarnição argentina.
24:50

24 Horas por Malvinas

3,0 51 x
Este episódio mostra a importância dos meios de comunicação na percepção que a população argentina tinha sobre o desenvolvimento do combate. O retrato de um inimigo abominável, mas inofensivo, a propaganda triunfalista da Junta Militar e a imagem de um povo unido colocando um fim em suas brigas internas para abraçar uma causa em comum foram as três principais características que as mídias construíram que tiveram grande impacto.
Março 2016
24:07

O Que o Irmão Sente

3,0 49 x
Um menino corre em direção a um caminhão do exército: seu irmão acabara de ser recrutado para a guerra. Ele passa os dias à espera de uma carta. Simultaneamente, este episódio aborda a ditadura implementada na Argentina e a operação militar para ocupação das Malvinas para forçar uma negociação com o Reino Unido.
25:30

Pulôver Azul

3,0 82 x
Um agasalho emoldurado em casa é um mistério para um garoto. A investigação sobre a origem do objeto o transporta à participação de seu pai na Guerra das Malvinas. Paralelamente, explica os argumentos da Argentina que reivindica a recuperação da soberania nas Ilhas Malvinas, Geórgia do Sul, Sandwich do Sul e os espaços marítimos correspondentes. Inspirado na história real de um ex-combatente.
Arquivo